+55 11 3586-4616             contato@ecoproengenharia.com.br

Serviços

Monitoramento Ambiental

O Monitoramento Ambiental pode ser exigido em diversas ocasiões:

  • Monitoramento Preventivo deve ser realizado por alguns empreendimentos que apresentem determinadas atividades potenciais (p. ex. indústrias e postos de combustível);
  • Monitoramento para Encerramento no caso de área contaminada em que já foi realizada a remediação e basta monitorar para certificar-se que a contaminação foi eliminada ou os riscos continuam controlados;
  • Outros monitoramentos: monitoramentos da água subterrânea e de gases e vapores no solo, a fim de verificar se as concentrações sofrem alterações ocasionando risco à saúde humana ou se está ocorrendo atenuação natural, muitas vezes é realizado durante a remediação.

Monitoramento Preventivo

Ecopro Monitoramento Preventivo O Programa de Monitoramento Preventivo da Qualidade do Solo e da Água Subterrânea deve ser implementado nas seguintes ocasiões, conforme Decisão de Diretoria nº 038/2017 da CETESB:

  • Nas Áreas com Potencial de Contaminação (AP) onde ocorre o lançamento de efluentes ou resíduos no solo como parte de sistemas de tratamento ou disposição final;
  • Nas Áreas com Potencial de contaminação (AP) onde ocorre o uso de solventes halogenados;
  • Nas Áreas com Potencial de Contaminação (AP) onde ocorre a fundição secundária ou a recuperação de chumbo ou mercúrio.

O programa deve ser elaborado com base no Modelo Conceitual da Área consolidado a partir de uma Avaliação Preliminar. O conteúdo do programa contempla detalhes das amostras que devem ser obtidas, tipo de amostragem, profundidade, locais, frequência de coleta, entre outros.

 

Monitoramento para Encerramento

Ecopro Monitoramento para EncerramentoO Monitoramento para Encerramento é realizado quando:

  • Na Avaliação de Risco verificou-se que as concentrações das substâncias químicas encontradas na área não oferecem risco, não sendo necessário medidas de intervenção, apenas monitoramento;
  • Após executadas todas as medidas de intervenção propostas para a área, sendo estas medidas institucionais, de engenharia e/ou de remediação.

Nestas situações é necessário realizar monitoramento periódico para verificar se a situação se mantém, caso seja concluído que a contaminação foi eliminada ou não apresenta riscos e não está em expansão, a área pode ser classificada como Área Reabilitada para o Uso Declarado.

Por outro lado, caso verifique-se durante o monitoramento que as concentrações aumentaram e oferecem risco, será necessário implantar novas medidas de intervenção ou dar continuidade as já executadas.

O monitoramento pode ser realizado para água subterrânea, águas superficiais, solo, ar do dolo (gás/vapor) e ar ambiente.

Monitoramento da Água Subterrânea

Ecopro Monitoramento Aguar SubterranetaO monitoramento de águas subterrâneas pode ser necessário como parte de um projeto de Monitoramento para Prevenção, Monitoramento para Encerramento ou Monitoramento durante uma Remediação para entender a evolução do cenário.

Para o monitoramento são instalados diversos poços de monitoramento de água subterrânea na área (de forma planejada), sendo realizado de forma periódica a coleta de amostras nos mesmos, sendo gerado um relatório a cada campanha de monitoramento, sempre mostrando o andamento e evolução da situação.

Monitoramento do ar do solo (gás/vapores)

Ecopro Monitoramento Gas SubterraneoO monitoramento de ar do solo (gás/vapores) pode ser necessário como parte de um projeto Monitoramento para Encerramento ou Monitoramento durante uma Remediação para entender a evolução do cenário.

Para o monitoramento são instalados diversos poços de monitoramento na área (de forma planejada), sendo estes de dois tipos: poços subslab, instalados logo abaixo do contrapiso, e poços de gás que podem alcançar diferentes profundidades, como 1m, 2m, mas sempre acima do nível d’água.

Nos poços instalados na área são realizadas campanhas de monitoramento periódicas, sendo sempre gerado um relatório com a situação atual e com o acompanhamento da evolução da situação.

Em alguns casos pode ser necessária a amostragem de ar ambiente, com a finalidade de verificar se os gases e vapores que encontram-se no solo podem estar causando algum risco para os receptores.